Como comprar camisas

Como comprar camisas

Preciso comprar camisas, e agora?

Você olhou em seu armário e descobriu que precisa comprar camisas, e agora? Christiano D´Carlos te ajuda a escolher a melhor opção e a que mais combina com você. Fique ligado nas dicas de quem entende do assunto.

A seguir suas recomendações:

 

Dicas de Christiano D´Carlos

São várias as características de uma camisa por isso destaco alguns dos
principais pontos na hora de escolher a sua camisa.

 

1. Quando o homem for comprar uma camisa o que ele deve prestar atenção?

São várias as características de uma camisa por isso destaco alguns dos
principais pontos na hora de escolher a sua camisa.

 

01 – Estilo ou modelo

O tamanho das camisas prontas podem ser vistos por numeração (1, 2, 3, 4, 5
etc) ou pelo famoso P, M, G.

As camisas sociais ainda podem ser escolhidas pela numeração de acordo com a
circunferência do pescoço. Neste caso podemos encontrar numerações como: 38,
40, 42, 44 etc.

Já nas camisas sob medida, o próprio nome já explica, camisas feitas na sua
medida ou seja, todas as partes da camisas serão confeccionadas com base nas
medidas de quem vai usá-la.

Independente de camisas prontas ou camisas sob medida o importante é estar
atento a certos pontos.

02 – Colarinho

Opte pelo colarinho adequado ao seu rosto e na medida certa do seu pescoço.
O ideal é que esteja com um dedo de folga para não te apertar muito e nem
deixar muita sobra caso use com gravata.
De preferência aos colarinhos que possuem barbatanas removíveis. Você pode
retirá-las para lavar e recolocar depois de passadas. assim seu colarinho
nunca vai ficar com as pontas uma para cada lado.

 

03 – Punho

Punhos simples (com botão) ou duplos (para abotoaduras)
O punho da camisa ideal deve ter 5cm a mais que a medida exata do seu punho.
nas camisas sob medida o cliente pode contar com a comodidade de ter o punho
em que usa o relógio com medida especial.

 

04 – Ombros

Olhe no espelho e repare se os ombros da camisa estão porporcionais ao seu
corpo. Uma dica para saber onde termina seu ombro é apalpar com a a mão seu
ombro até sentir aquele osso, quase na ligação onde começa seu braço.

 

05 – Tórax

O ideal é que não sobre nem falte tecido nessa região do corpo. Do contrário
ou você vai ficar desconfortável usando uma camisa apertada ou poderão
aparecer algumas pregas quando estiver com paletó ou casaco.
para uma camisa de modelagem regular ou seja, nem muito folgada nem muito
justa ou slim, o ideal é que tenha aproximadamente uns 10cm além da medida
exata da circunferência do tórax. essa é uma folga adequada que da
mobilidade para quem usa a camisa sem deixá-la com aspecto deselegante.

 

06 – Manga

Solte o botão do punho da camisa, estique o braço e repare no comprimento da
manga da sua camisa. O ideal é que o punho esteja uns 2 ou 3 cm abaixo do
seu pulso (com as mãos fechadas). ou que a manga ou melhor o punho encoste
na base do seu dedo polegar.
não deixe com que a manga da camisa, depois de abotoado o punho, fique com
mais de uns 3 ou 4 cm de dobras. Mais do que isso é sinal de que sua manga
está comprida demais.
se você não gosta de nenhuma sobra de tecido nas mangas das camisas ok mas
vale lembrar que caso você estique o braço (quando vai dirigir por ex.) as
mangas vão parecer curtas.

 

07 – Corpo

Sem seguir modismos ou tendências que ultimamente sugerem camisas justas
demais, o ideal é que o corte da camisa esteja próximo ao seu corpo. Eu
disse próximo e não colado ao seu corpo. Desta forma você pode se movimentar
sem perder a elegância. mais uma vez podemos considerar uns 10 a 12 cm além
das medidas exatas de circunferências entre tórax, cintura e quadril.

 

08 – Tecido

Uma boa camisa deve ser feita, antes de mais nada, com tecido 100% algodão

ou seja, totalmente com fibras naturais.

Porque fibras naturais? Não necessariamente só o algodão é uma fibra natural
mas o linho também é natural e ótimo para o verão.

As fibras naturais deixam o tedido “respirar” e permitem a troca de calor
com o corpo.

Existem várias opções de tecidos, várias cores, várias padronagens mas o
importante mesmo é saber escolher a opção que mais combina com você, como o
seu perfil e principamente com a ocasião.

Podemos ir do preto ao branco, passando pelos tons de azul, lilás ou rosa
mas não aidianta usar determinada camisa ou cor só porque está na moda.

Acho que o ideal é começar pelas camisas lisas e com cores claras e suaves.
Prefira o branco básico, e azul claro.

 

09- Botões

Na verdade o importante é observar a prega dos botões.
Prefira as camisas que não apresentam linhas soltas entre os botões. num dos
04 buracos dos botões não deve aparecer aquela linha soltando. se tiver uma
linhazinha solta é só vc puxar que o botão sai na sua mão.
dou preferência aos botões pregados de forma cruzada ou seja, um X

nas camisas sob medida é possivel ver botões pregados a mão e com um pezinho
entre o tecido e o botão. isso facilita o abotoamento da camisa.

 

10 – Costuras

Normalmente costuras com pontos mais largos e pespontos mais espaçados uns
dos outros traduz camisas mais esportes sendo que camisas com as costuras e
pontos menores sugerem um estio mais classico. de um modo geral prefiro as
camisas com costura de boa qualidade onde podemos contar uns 6 a 7 pontos
por cm.
prefira as camisas costuradas com maquina reta. as camisas fechadas com
overlock são de mais baixa qualidade.

 

12 – Encaixes das listras

No caso de camisas listradas ou xadrez repare se as listras ou as estampas e
padronagens estão em harmonia tanto na parte da frente como na parte de trás
da camisa. principalmente observando nas laterais ou seja, no encaixe da
parte dianteira com a parte traseira da camisa. é comum vermos listras
bastante desalinhadas entre o dianteiro e o traseiro. se isso acontecer é
sinal de baixa qualidade no corte e montagem da camisa.

 

13 – Comprimento

Proporção é fundamental.
se for usar camisas para fora da calça o ideal é que esteja no máximo até o
meio do ziper da calça ou bermuda. Alguns preferem mais curtas mas ai vai do
gosto pessoal de cada um.
No caso de camisas sociais onde o uso é para dentro da calça o ideal é que o
comprimento vá até o final do ziper ou do cavalo da calça. Muitas confecções
acabam economizando onde não deveriam. repare bem no seu gosto para o
comprimento da camisa pois corre o risco de ficar com aquelas camisas que
insistem em sair para fora da calça por mais leve o movimento que vc fizer.

Seguindo esses passos, o risco de errar na hora de escolher o modelo da
camisa será quase zero.

 

2. Quais os tecidos ideiais para camisas?

Os tecidos mais clássicos da camisaria são:

1. Herringbone ou Escama

Esse desenho é um clássico. Muito usado nas camisas masculinas por ser uma
alternativa aos tecidos lisos. Vai bem tanto no social como no casual.

2. Tricoline

É um dos tecidos mais utilizados em camisaria. Sabe aquela camisa básica
branca (bem branca)?
Em 99% dos casos é feita de tricoline. Neste caso a qualidade do algodão
pode variar, desde o algodão básico ao algodão egípcio.

3. Fil a Fil

Tecido composto por um fio tingido da cor predominante do tecido e outro fio
branco, produzindo um efeito mesclado ao tecido. Toque suave e agradável
para usar durante o ano todo.

4. Oxford

Tecido encorpado de origem inglesa. O entrelaçamento dos fios é composto
sempre por um fio branco e outro colorido formando um efeito cheio de
pontinhos no tecido. Diferentemente do fil a fil, o oxford é um tecido bem
encorpado e muito usado na camisaria esporte.

5 – Tecidos Texturizados (falsos lisos)

Os tecidos texturizados, também chamados de maquinetados, oferecem uma
grande variedade de texturas e relevos que vão do clássico desenho de
espinha de peixe até os modernos padrões diagonais.

É uma ótima opção para quem deseja, ao mesmo tempo, um tecido discreto e que
fuja do tipo liso.

3. Colarinhos e os formatos de rostos
Francês ou 1/2 Italiano
Muito usado e versátil pois combina com quase
todos os formatos de rosto.

Italiano
mais aberto: curto e aberto. Ideal com um nó de gravata maior e
mais volumoso. Muitos têm usado o colarinho italiano mesmo sem gravata. é
uma opção para quem quer se diferenciar porém não é ideal para quem gosta
de um colarinho mais robusto porque o modelo italiano deixa o colarinho mais
encurtado já que ele é “puxado” para trás.
vai bem para rostos finos, alongados ou ovais

Inglês
mais pontudo: usado normalmente para quem gosta de criar um estilo
diferenciado pois é muito alongado e estreito. Forma uma silhueta alongada e
moderna.
vai bem para rostos ovais, dedondos ou quadrados

Americano
ou famoso button-down – usado num look mais casual porém há
quem goste de usá-lo com gravata (ex. Eike Batista)
vai bom com todos os rostos

Curto e mais baixo
é um colarinho mais atual e moderno. normalmente usado
para quem gosta de um llook minimalista, clean. ideal para usar sem gravata
ou com gravatas bem estreitas e com seda mais fina.
vai bem com rostos médios ou pequenos. não use se você é muito alto e grande

Arredondado
muito usado antigamente este modelo está resurgindo numa
versão mais curto e baixo tanto para homens e mulheres. essa nova proposta
sai do ar romantico para um estilo mais moderno
idem para o uso do curto e baixo

Clássico
Este modelo é muito versátil, com as pontas mais fechadas e
alongadas. Pode ser usado com ou sem gravata.
vai bem em rostos ovais e redondos

Italiano
Colarinho mais curto e aberto. Ideal com um nó de gravata maior e
mais volumoso.
normalmente via bem para rostos médios e pequenos ou rostos mais alongados
ou ovais

½ Italiano
Muito usado e versátil pois combina com quase todos os formatos
de rosto.
vai bem com a maioria dos tipos de rostos

4. E falar sobre os diferentes tipos de punhos:
Abotoamento: Simples ou Duplo

Simples
– redondo – clássico, vai bem para todas as camisas
– chanfrado – com um corte nas pontas – não gosto muito desse estilo –
parece mais com camisa de escritório.
– reto – para um estilo mais moderno

Com um ou dois caseados – normalmente com 8 ou 9 cm de comprimento – dão um
ar diferenciado a camisa. é estiloso mas pouco funcional – se você gosta de
praticidade este punho não é para você.

Reversível
é o famoso 3 em um – normalmente encontrado em camisas feitas
por medida.
é possivel abotoar o punho com os botões ou usá-los com abotoaduras

Duplo
mais chique e formal – para usar somente com abotoaduras.

 

leia parte da matéria feita comigo por Ricardo Oliveros para o Uol e que foi repostada no Blog do Kadu Dantas

No Comments

Post A Comment